Espaço - Ciências - Fenômenos Naturais
Compartilhe! 

Editoria: Mudanças Climáticas
Quinta-feira, 30 nov 2006 - 09h30

Relatório da FAO afirma que pecuária é responsável por aquecimento global

De acordo relatório divulgado ontem pela FAO, Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação, situado em Roma, o setor pecuarista é atualmente um dos principais responsáveis pela amplificação do Efeito Estufa.

Segundo o relatório, o setor é o que produz mais gases componentes do efeito, e se comparados a seu equivalente em CO2 (dióxido de carbono), são mais elevados que os produzidos no setor de transportes.

O relatório afirma que a atividade pecuária não ameaça somente o meio ambiente, mas é uma das causas principais da degradação do solo e esgotamento dos recursos hídricos.

Segundo o relatório, o esterco do gado é responsável por grande parte das emissões dos gases que geram o Efeito Estufa. Entre alguns números divulgados na pesquisa, a FAO sustenta que pelo menos 9% das emissões de CO2 produzidas por atividades humanas são procedentes do setor da pecuária e que este produz uma proporção muito mais elevada dos gases mais prejudiciais que compõe o efeito.

Entre os gases procedentes do esterco a FAO cita o óxido nitroso (N2O), que tem quase 300 vezes mais GWP, Potencial de Aquecimento Global, do que o CO2. O setor gera 65% do óxido nitroso presente na atmosfera.

Os efeitos nocivos da poluição do ar causados pela pecuária são conhecidos há bastante tempo, mas nunca se pensou que o gado poderia contribuir decisivamente para aumentar a concentração dos gases.

O metano, produzido pelo arrôto das vacas, é 23 vezes mais nocivo ao ambiente que o CO2. Considerando-se que uma vaca pode produzir até 500 litros de metano em apenas 1 dia, não é difícil estimar os danos ambientais produzido por 150 milhões de cabeças de gado somente no Brasil.

Para o pesquisador Paul Steinfeld, chefe da subdireção de Informação Pecuarista e Análise e Política da FAO, é preciso encontrar soluções rapidamente, pois a cada ano a humanidade consome mais produtos lácteos e carnes produzidos pelo setor, o que afeta ainda mais o meio ambiente.

O documento adverte que para que a situação não piore, é fundamental que o custo de cada unidade de produção pecuária seja reduzida à metade.

A FAO reconhece que o setor pecuarista é o meio de subsistência de mais de 1,3 bilhão de pessoas ao redor do planeta, responsável por 40% da produção agrícola mundial.

Para muitos camponeses pobres dos países em desenvolvimento, o gado também é utilizado nos trabalho pesados no campo além de fonte essencial de fertilizante orgânico para as colheitas.

Fotos: Fazenda de gado no Brasil. O país possui o maior rebanho do mundo, com aproximadamente 150 milhões de cabeças. O gráfico mostra a composição de gases causadores do Efeito Estufa.






Apolo11.com - Todos os direitos reservados - 2000 - 2017
Política de Privacidade   |     Termo de Uso e Licenciamento   |  -   Entre em Contato

"Um político é capaz de qualquer coisa para permanecer - até mesmo tornar-se um patriota - William R. Hearst